Webdesign, carregue em 4 segundos ou morre!

Outros fatores que determinam o abandono do site, além do limite de 4 segundos, são: uma estrutura de navegação pouco clara e tempo muito grande para a transação de pagamentos

Você está perdendo visitantes por causa de um webdesign limitado? Uma pesquisa de mercado constatou que se os visitantes não conseguem ver a página web que querem ler em, pelo menos, 4 segundos, eles param de esperar e vão embora.

Photo Credit: Andrea Khale (MorgueFile)

A pesquisa encomendada por Akamai à Jupiter Research evidenciou a cada vez maior impaciência dos usuários frente aos sites lentos.

Foi apurado que 75% dos 1.058 usuários cobaias não retornarão mais ao site que os fez esperar mais de 4 segundos.

A pesquisa revelou, além disso, que o tempo de carregamento é o terceiro fator mais importante que determina o sucesso dos sites de e-commerce, depois os preços e das despesas de expedição.

A amostra de Akamai é constituída de usuários que compram online habitualmente e o tempo de carregamento se torna, inclusive, o parâmetro mais importante se se restringe a amostra a usuários que compram online há mais de dois anos ou que gastam mais de US$1500 online em um ano.

Outros fatores que determinam o abandono do site, além do limite de 4 segundos, são: uma estrutura de navegação pouco clara e tempo muito grande para a transação de pagamentos.

O limite de 4 segundos foi drasticamente aumentado em respeito à pesquisa precedente conduzida durante o boom do e-commerce, na qual a maioria da amostra se dizia disposta a esperar o carregamento por inteiro do site. O que também torna a coisa ainda mais complicada é uma certa maturação dos compradores online que tentam sempre mais frequentemente conhecer a sociedade que se esconde atrás do negócio de shopping online e, se este último não der uma boa impressão, o seu juízo se refletirá também frente a sociedade a qual pertence, pois os usuários declaram que compartilham muitas vezes essas péssimas opiniões com amigos e parentes.

A pesquisa contou com 1.058 compradores online que foram observados por todos os primeiros seis meses de 2006.

O autor do artigo

Shaun Anderson é SEO da Hobo, além de titular da Accessibility101, e do site InternetMarketing101.

Comments

comments