25 Dicas Para Otimização SEO do Seu Post

Aqui estão algumas dicas práticas para otimizar os seus posts e o seu blog para os motores de busca. Vamos deixar um pouco de lado as estratégias e táticas para focar no prático, mais precisamente na otimização onpage.

moca-computador
Photo Credit: Dashek

1. Insira as palavras-chave mais importantes no título

2. Insira palavras-chave relevantes no URL do post – se você usa WordPress instale o All in one seo pack

3. Faça o título da página igual ao título do post – o usuário que chega dos motores de busca deve ter certeza que não errou clicando no seu link na SERP

4. Use o meta-tag description – com frases relevantes. O meta-tag keyword já está obsoleto, não se usa mais

5. Omita do título o nome da empresa ou do blog – o leitor conecta o conteúdo ao blog, e não o contrário. Nas SERPs mostre às pessoas o que elas estão procurando sem distrai-las

6. Formate o título do post com o H1 – e não use o título de nível 1 mais de uma vez na mesma página

7. Use o atributo nofollow para os links a conteúdos não relevantes ou nos links de afiliação – os motores os ignorarão

8. Seria sensato não ter mais de 100 links na mesma página – a relevância de um link é inversamente proporcional ao número deles todos

9. Use o negrito para destacar termos importantes

10. Foque nas frases, ao invés de uma única palavra-chave – com o mesmo esforço rende mais investir na long tail

11. Repita várias vezes a keyphrase principal nos primeiros 25% do post – truque antigo, mas ainda eficaz (porém, não exagere)

12. Use sempre sinônimos das palavras ou das frases-chave também – para reforçar a relevância e ajudar os algoritmos heurísticos do Google

13. Reforçe o link com o atributo title

14. Use sempre o atributo ALT para as imagens

15. Não subestime as chaves presentes no percurso da imagem – se você puder controlar esse aspecto, insira chaves relevantes aqui também

16. Crie um sitemap XML atualizado para o spider do Google – você encontra maiores informações em Webmaster Tools

17. Identifique as palavras-chave mais utilizadas nas pesquisas usando o Google Trends – você pode otimizar um post 100%, mas você já se perguntou se os outros usam as palavras que você para identificar um assunto? Por exemplo, a sua tia procuraria Telefonar com o computador ou Telefonar via internet?

18. Escreva sempre posts em forma de listas numeradas (ou não) – é a melhor forma de ganhar links externos

19. Use as tags da melhor maneira – elas geram links para conteúdos relevantes

20. Avalie bem se convém fazer com que as páginas sejam indexadas pelas tags – muitas vezes elas assumem maior relevância que o post. Verifique

21. Evite as URLs dinâmicas – do tipo www.site.com/page.php?id=9, utilize a técnica de URL Rewriting, ou plugins específicos

22. Atualize os posts antigos para explorar a idade deles – se você tiver informações desatualizadas em um post antigo que fala sobre um assunto ainda em voga, atualize-o para não perder os benefícios da idade da página

23. Use o redirecionamento 301, em caso de mudança de URL – serve para o motor entender que a página foi transferida para outro endereço, e que ele deve repassar o pagerank e a importância da página antiga para a nova

24. Use o arquivo robots.txt antes de apagar páginas ou diretórios inteiros – páginas ausentes são sintomas de pouca confiabilidade. Se você precisar excluir posts ou pastas inteiras impeça primeiro que eles sejam indexados através do arquivo robot.txt e, em seguida, exclua-os. Alternativamente você pode usar o módulo online do Webmaster Tools.

25. Não se preocupe se o Webmaster Tool indicar como não encontradas algumas páginas não estão no blog – quando alguém tenta linkar o seu blog inserindo um link errado, isso é relatado pelo spider e apresentado como página ausente. Mas não é um problema seu.

Comments

comments