Blogging, Introduçao ao WordPress

Se você está pensando em começar a blogar utilizando a plataforma WordPress, seja com o WordPress.com ou com uma hospedagem própria e WordPress.org como CMS (Content Management System ou Sistema de gerenciamento de conteúdo), mas não faz ideia de como funciona  esse tutorial é para você.

Vamos entender aqui como funciona e o básico sobre esse CMS.

WordPress

A primeira coisa que você precisa ter em mente é que o WordPress foi desenvolvido para ajudar o editor a publicar seus textos. Essa é a premissa básica e é isso que você precisa saber!

Esse sistema de gerenciamento de conteúdo, lembra?

Portanto, além de te ajudar a publicar seus textos, como o próprio nome diz (CMS) o WordPress te ajuda a gerenciar seu conteúdo. E de que forma ele faz isso? Te dando a base para o seu blog.

Administrando seu blog

Administrar um blog com WordPress é bem mais simples do que parece. No entanto, muitas pessoas encontram dificuldades por não entender esse formato.

Não é uma varinha mágica que vai fazer tudo como que por encanto. E’ uma ferramenta e que vai depender do bom uso para render tudo o que pode.

Se você desejar, pode instalar o WordPress até no seu computador para se familiarizar com ele antes de começar um blog de fato. Leia Como Instalar o WordPress no Computador

A primeira coisa que você vai fazer é acessar a parte administrativa do seu blog. Para tanto, tudo o que você precisa é adicionar o nome da pasta onde está o WordPress (geralmente não se muda o nome, mas algumas pessoas preferem mudar de wordpress para blog ou qualquer coisa assim) mais o complemento /wp-admin ao endereço do seu blog. Por exemplo:

http://www.seublog.com/wordpress/wp-admin

Com esse endereço você vai fazer login e entrar na administração do seu blog. Ali você encontra logo de cara o painel onde é possível ver os últimos comentários feitos, backlinks, além de links para adicionar e/ou modificar temas e plugins e tudo mais…

Resumindo, é no painel que você se localiza e parte para a ação de fato. Sendo que cada coisa será aprendida no seu tempo certo e não existe mistério, apenas paciência para conferir cada opção existente.

Acredite, no início pode parecer muita informação, mas com a prática as coisas se tornam bem mais fáceis e você nem percebe mais as ações que executa diariamente.

Diferencia entre post e páginas

Na hora de publicar os serviços são sempre parecidos, assim como seu resultado final. Agora,  existe uma diferença básica para os demais serviços, que é a possibilidade de criarmos páginas e/ou posts.

Vamos entender:

  1. Posts
    Os posts são textos que escrevemos normalmente e que recebem comentários, além de ser possível adicionar imagens, vídeos e tudo o mais que nossa imaginação mandar. Uma vez publicados são armazenados em ordem cronológica e podem ser acessados pelo blog nos links para páginas mais antigas, pelos arquivos e categorias, além da busca interna.
  2. Páginas
    As páginas são na verdade bem parecidas com os posts, mas a diferença é que em WordPress as páginas não são listadas junto dos posts. As páginas são consideradas pelo CMS como páginas estáticas do blog e geralmente são acessadas por menus que ficam na parte superior do blog.

Esse vídeo mostra como editar um novo post:

Você consegue perceber essa diferença ao acessar os posts normais de um blog, como esse que você está lendo por exemplo.

Agora, se você quiser ver uma página do blog, basta acessar a página Quem somos do blog para saber um pouco mais sobre o blog e seus responsáveis. Assim você pode notar a diferença de estrutura de uma página para um post.

Agora você já conhece o básico e se quiser experimentar como é blogar com WordPress te dou uma dica:

  • Se a sua ideia é se familiarizar como funciona a administração, comece pelo WordPress.com. É um sistema gratuito e que te dá a chance de começar a lidar diariamente com a parte administrativ.
  • Ou como dito antes, instale o WordPress no seu computador e tenha tudo o que um serviço de hospedagem vai lhe oferecer com a segurança de poder fazer quantos testes quiser.

A verdade é que esse artigo é muito mais para você perder o medo e testar para saber como funciona que qualquer outra coisa, uma vez que a melhor coisa para aprender é praticar!

Seja como for, não deixe de conhecer esse CMS que é o mais usado pelos blogueiros e desenvolvedores de um modo geral, simplesmente por ser o melhor.

Comece agora mesmo a usar o WordPress!

Comments

comments