Tags: O Que São e Como Usar

Etiquetas Tags

Imagem: stock.xchng

Muita gente que começa a escrever e até alguns blogueiros com tempo de estrada tem dúvidas sobre as tais Tags. Por isso resolvi escrever sobre o assunto e tentar esclarecer alguns pontos.

Antes de mais nada, vamos entender!

Uma tag é uma palavra-chave (relevante) ou termo associado com uma informação (ex: uma imagem, um artigo, um vídeo) que o descreve e permite uma classificação da informação baseada em palavras-chave. (fonte: Wikipédia)

Na real, uma tag (ou etiqueta) é (ou ao menos deveria ser) um retrato do assunto ao qual realmente se refere o texto. Mesmo na prática muita gente tentando fazer delas mais do que são.

E Tag Cloud?

Uma Tag Cloud ou Nuvem de Tags como se chama por aqui, nada mais é que várias tags agrupadas.

Agora, como usar as tags?

Ferramentas como o Blogger, não tem um sistema de tags próprio. O mais perto disso que encontramos são os marcadores, mas funcionam mais como categorias que tags.

Já o WordPress permite e tem um campo específico para adicioná-las ao texto.

Nesse caso, as tags funcionam e trazem grande resultado nas buscas por palavras-chave, mas precisam ser muito bem pensadas.

Como eu disse, uma tag deveria ser o retrato do conteúdo de um post, mas como fazer isso?

Na verdade não existe segredo!

Tudo em que você precisa pensar na hora de escolhê-las para o texto que acabou de escrever é:

  • o que eu acabei de escrever
  • qual a palavra-chave que mais define esse texto

Entende? Você precisa pensar qual ou quais palavras-chave definem o texto, o conteúdo, o assunto. Pare e pense!

Se uma pessoa for ao Google ou ao Technorati e fizer uma pesquisa com a tag que você escolheu, você acha que essa pessoa gostaria de ler o seu texto? O seu texto corresponde ao que aquela pessoa está procurando?

Se a resposta for “sim, sem dúvida!”, ótimo!

Caso contrário, se você tem alguma dúvida, por menor que seja, pare, pense e principalmente tome cuidado!

A maneira mais fácil de perder um leitor para sempre é fazer ele perder tempo vindo até seu blog e não encontrando nada daquilo que ele procurava.

Óbvio, se você puder associar claramente várias tags ao seu texto, desde que realmente definam o conteúdo, ótimo!

Quanto mais você conseguir definir o seu conteúdo com um número maior de tags, melhor. Mas tenha em mente que em alguns casos é melhor você definir um número menor de tags pensando na qualidade delas.

Existem ferramentas específicas para usá-las com o máximo de seu potencial e tudo mais, existem (dizem que sim). Sinceramente, acho que a melhor ferramenta nesse caso é a sua consciência, certeza de querer fazer um bom trabalho e principalmente ser honesto com o seu leitor.

Claro, você sabe que essa é a minha opinião sobre o assunto e que cada um tem a sua. O fato é que eu acredito realmente que não existe SEO ou mágica que funcionem melhor a longo prazo que um conteúdo de qualidade e acima de tudo honestidade.

Comments

comments